OCTYPE html> EXEMPLO DE VIDA (LETRA) - Rzo

Exemplo de Vida (Letra)

Rzo - Letras

Exemplo de Vida (Letra) - Rzo

[introdução]
Eae irmão chapa loopa
Então é sem virar o “zoio”
(fica ligeiro)
Aqui não não tem graça
Então sorria por que voce esta sendo filmado

[sandrão]
Correr,Correr,Correr é o meio ,nao olha o alheio
Se tem anseio age sem rodeio
Ta com medo é porque veio
Mais se puxou o freio
Vira frango no tiroteio
Metidos a bam-bam-bam
Andam em noites de gala
Onde ah trapaça, ninguem
sabe o que se passa.
Espinhossa cruel pegajosa
É a farra um barra e madrugada
Que cala uma par de bala
Veloz ,feroz ,via satelite é a voz
Voa como um albatroz
E a voz tocar os quatro cantos da terra
Deixa nois passar
Solta da jaula as fera é a nova era
Ser zoio de lula
É contradição na bula
Diz oque burla,a gula trava a mandíbola
Vem pra discolar os caligolas
Vampiro sangue-suga que gruda na jugular
E quando ta verde o farol
seis faz brilhar o sol
Lava a boca dos vermes com pinho sol
Só o serol para os mongol
dos bola murcha no basquete bol

[refrão]
Sem os guerreiro na favela é revolta
Traz o orgulho pra favela de volta
Pegaram os dolar da favela então solta
Em muita honrra pra fevela é que nota 10 (2x)

[sandrão]
Muito facil é desistir,
vou que vou com os louco é por um triz !
Dou meu sangue sim, tem que ser assim
como a peste,qualquer lado
sangue é mesma cor nao se esquece
Dizem pra vc parar, nimguem quer coperar
E o dim-dim nao tem, se nao ve chega
Com a chuva passa,sentado no sofá fica: (Nem daaa,,,)zzzZ
Quem?Ninguem Viu!Nem veM! Nem deu um piL!
Quando as perna quebro e o castelo caiuL
Nao ah quem resisti no mundo dos apliques
Ou Depois que as dinamite explodisse eu fui
fmza só quem é pra poder chegar
quem vai coperar No Já” Nao deixa ah desejar
quem pula quem nem rã por onde foi vái
comigo aqui,com os mano aqui NÃO VÀÀI!!

[AE ! A QUEBRADA NAO É ESCORREGADOR,
SE ESPATIFA!”VAI MORRER PRA LÁ ZIKA” ..
TA PENSSANDO QUE VAI ARRASTAR NOIZ?
É PESADELO,É MOIO AZEDO RAPÁ!]

[refrão]
Sem os guerreiro na favela é revolta
Traz o orgulho pra favela de volta
Pegaram os dolar da favela então solta
Em muita honrra pra fevela é que nota 10 (2x)

[sandrão]
Eu te digo o que é aqui
Se significa se garantir
Não se iludir (…) se faz de miss pra chamariz
Na ponta do giz quando roubou o juiz
De caneta e papel faz os bornéu
Quem atola o pé na areia não vira estrela
Pra quem te passa a rasteira a ratoeira
Bem capaz dizer que tudu tudu os outros loucos ta a mais
Discrminação é o cão
Inferno é gol jhow pra quem roubou
A cena do show é a imagem do sofredor que tao na foto
Quem tem tem,respeito é pra quem tem (vem)
Trinca com a matilha o exercito das formigas
Que vive sem durmir ,vou acender as suas mentes e
Sem BOLO podre para não ruír
Não deixo a casa caír pra qualquer coisa a zika
tão por aí esse é o pus fazem uso do veneno
Pra criar o anti -doto
tem pressa come cru…
Sem “ce” nasse nú sozinho sem nenhum
Mais corre atras vagabun…
Disse ice Blue das”ervas daninhas”
Se o saco dessamarra os gatos vão mia (ah)
Se arrebenta explode se vê desintegrar
Os largatixas os pipocas vão cagueta (caguéta galinha)
Até hoje é sem pose vem ouve
que o rap tem a voz muitos ouvem
Sem mortes (….)
Fojem como podem eu sei que nem sempre
Tão na tv assitam
É na rua vencem o rap aqui pode sem mintira
Diplomacia é o que vira é a real ta na mira
A lingua é giria provocam ira dos lok’s

[refrão]
Sem os guerreiro na favela é revolta
Traz o orgulho pra favela de volta
Pegaram os dolar da favela então solta
Em muita honrra pra fevela é que nota 10 (2x)

Exemplo de Vida (Letra) - Rzo