OCTYPE html> QUERIDA JEZEBEL (LETRA) - Rui Veloso

Querida Jezebel (Letra)

Rui Veloso - Letras

Querida Jezebel (Letra) - Rui Veloso

Tu és marioneta presa a um cordel
Artista completa cumprindo um papel
Em guião escrito a tinta cruel
Inferno bendito querida Jezebel

Tu és a conta certa divisão e soma
Meretriz e santa dentro da redoma
Dessas cujo olhar rasga e paralisa
E a poesia canta estuda e analisa

Ai de quem te chega
Chora sangra e cega
Com a naifa do desdém
Parece que ajustas
Contas com alguém
Querida Jezebel

Eu fui o eleito só para te dizer
É muito mal feito o que andas a fazer
Colher corações com o mínimo esforço
E pisá-los no chão sem sombra de remorso

Querida Jezebel (Letra) - Rui Veloso