OCTYPE html> MANO (LETRA) - Reinaldo

Mano (Letra)

Reinaldo - Letras

Mano (Letra) - Reinaldo

Mano aonde você anda com a cabeça
Melhor parar antes que algo te aconteça
Estatisticamente eu sei no que vai dar
Por isso eu vim te aconselhar

Mano!
Larga esse fuzil e vem falar comigo
Eu não queria que levasse vida
De bandido
Pra que tanta pistola granada e AK
tô com vontade de chorar

Meu Mano!
Minha mãe mandou um recado pra você
Está morrendo de saudade
E pediu pra lembrar que aos
Dez anos de idade
Você prometeu que nunca iria
Nos magoar

O morro respeita sua condição
Mas aqui quem fala é a voz
Do coração..

Você pode estar do lado errado,discriminado
Mas é meu Mano!
Pode ser bandido e esquecer do teu passado
Mas é meu Mano!
Pode ser tachado de malandro,inconseqüente
Mas é meu Mano!
Sangue do meu sangue vacilou, me
Trouxe a dor
Mas é meu Mano!

Mano!
Larga esse fuzil e vem falar comigo
Eu não queria que levasse vida
De bandido
Pra que tanta pistola granada e AK
tô com vontade de chorar

Meu Mano!
Minha mãe mandou um recado pra você
Está morrendo de saudade
E pediu pra lembrar que aos
Dez anos de idade
Você prometeu que nunca iria
Nos magoar

O morro respeita sua condição
Mas aqui quem fala é a voz
Do coração…

Você pode estar do lado errado,discriminado
Mas é meu Mano!
Pode ser bandido e esquecer do teu passado
Mas é meu Mano!
Pode ser tachado de malandro,inconseqüente
Mas é meu Mano!
Sangue do meu sangue vacilou, me
Trouxe a dor
Mas é meu Mano!

Mas é meu Mano…

Mano (Letra) - Reinaldo