OCTYPE html> EU SOU DA FAVELA E ELA É DO ASFALTO (LETRA) - Pikeno

Eu Sou da Favela e Ela é Do Asfalto (Letra)

Pikeno - Letras

Eu Sou da Favela e Ela é Do Asfalto (Letra) - Pikeno

Duas horas da tarde
Ela sai do condomínio
No rolê com ela
Uma amiga se divertindo
Para, mexe no cabelo
Olha pra mim e disfarça
Mal sabe ela que a vejo
Toda vez que ela passa
E foi com um olhar sincero
Que ele a conquistou
E por um simples garoto
ela se apaixonou

Mas eu sou da favela
E ela é do asfalto
Ela curte um som romântico
E eu um partido alto
Eu bem simples
E ela toda chique e charmosa
Sem espinho ela é só rosa

Link Patrocinado

Mas eu sou da favela
E ela é do asfalto
Ela curte um som romântico
E eu um partido alto
Eu bem simples
E ela toda chique e charmosa
Sem espinho ela é só rosa

Ela me convida pra sair
E eu sem o que falar
Sem dinheiro na carteira
E sem roupa pra usar
Uma calça amassada
Uma camisa mal passada
E ela de vestido, salto
E toda perfumada
Era a noite em que ele
Tanto sonhava em ter com ela
O sapo virou príncipe
Ao beijar a Cinderela
Então solta aquele som
Que eu sei que ela não resiste
Quando existe sentimento
Dinheiro não dá palpite

Mas eu sou da favela
E ela é do asfalto
Ela curte um som romântico
E eu um partido alto
Eu bem simples
E ela toda chique e charmosa
Sem espinho ela é só rosa

Mas eu sou da favela
E ela é do asfalto
Ela curte um som romântico
E eu um partido alto
Eu bem simples
E ela toda chique e charmosa
Sem espinho ela é só rosa

Link Patrocinado

Eu Sou da Favela e Ela é Do Asfalto (Letra) - Pikeno