OCTYPE html> OUTONO OUTUBRO (LETRA) - Nenhum de Nós

Outono Outubro (Letra)

Nenhum de Nós - Letras

Outono Outubro (Letra) - Nenhum de Nós

Até outubro eu esperei
Algumas coisas minhas juntei
O suficiente para poucos dias
Poucos dias, quem sabe até um mês.

Saí pra vida. Bilhete não deixei.
A porta com a chave por dentro fechei
Garanto que eu nunca procurei
Por nada especial. Nunca delirei.

Até o outono
ainda havia chance
mas com a distância
veio à certeza

Eu sempre faço o melhor que posso
Te deixo um beijo e até mais
Eu sempre faço o melhor que posso
E agora a sorte está lançada e até mais.

O amor é faca. Não é fácil.
Cada dia uma fatia, um pedaço.
É sempre igual se você quiser
Não é assim. Pra mim não é desse jeito

Até o outono
ainda havia chance
mas com a distância
veio à certeza

Eu sempre faço o melhor que posso
Te deixo um beijo e até mais
Eu sempre faço o melhor que posso
E agora a sorte está lançada e até mais.
Te deixo um beijo e até mais

Outono Outubro (Letra) - Nenhum de Nós