OCTYPE html> ANJOS CAÍDOS (LETRA) - Morcego

Anjos Caídos (Letra)

Morcego - Letras

Anjos Caídos (Letra) - Morcego

Todos me traíram, sigo alérgico
queimando páginas do livro da vida
Tragédias são normais
Entre chuvas de ar condicionado
Um corpo sem água não aguenta chuva fina

Ela dança no Salão
Cabelos longos e vestido azul
Sorrindo para um velho amigo
Que acaba de voltar do sul

Ela me chama, com olhos tristes
Lamentando meu arrependimento
Segundos cairam como moedas
Sem saber o significado do vento

Tudo é uma farsa,somos anos caídos
Nos matando por dinheiro,
Pedindo respostas ao céu
Sonhando com uma paraíso
Que pra quem vive ja é real
É real, é real

Eu não ser o ser que nos forçaram
Em acreditar que é pra ser
Nem pagar minha vida,
Morrendo todos os dias por eles,por eles
Todos me traíram, sigo alérgico
queimando páginas do livro da vida
Tragédias são normais
Entre chuvas de ar condicionado
Um corpo sem água não aguenta chuva fina

Ela dança no Salão
Cabelos longos e vestido azul
Sorrindo para um velho amigo
Que acaba de voltar do sulMorcego

Ela me chama, com olhos tristes
Lamentando meu arrependimento
Segundos cairam como moedas
Sem saber o significado do vento

Tudo é uma farsa,somos anos caídos
Nos matando por dinheiro,
Pedindo respostas ao céu
Sonhando com uma paraíso
Que pra quem vive ja é real
É real, é real

Eu não ser o ser que nos forçaram
Em acreditar que é pra ser
Nem pagar minha vida,
Morrendo todos os dias por eles,por eles

Tudo é uma farsa,somos anos caídos
Nos matando por dinheiro,
Pedindo respostas ao céu
Sonhando com uma paraíso
Que pra quem vive ja é real
É real, é real
Que pra quem vive ja é real
É real, é real

Tudo é uma farsa,somos anos caídos
Nos matando por dinheiro,
Pedindo respostas ao céu
Sonhando com uma paraíso
Que pra quem vive ja é real
É real, é real

Anjos Caídos (Letra) - Morcego