OCTYPE html> SUPERFICIAL (LETRA) - Menestrel

Superficial (Letra)

Menestrel - Letras

Superficial (Letra) - Menestrel

Pensando mil frases pra dizer pra ti
Você se basta com tão pouco e é
Triste se eu disser que o mal não existe
Só ouve a minha voz lembrando da sua playlist
Lembra de tudo que eu te digo
Mas é por isso…

Tão superficial quanto transar no primeiro encontro
Se eu chorar prometo que não vai ouvir
Quando quiser me encontrar olha de baixos dos escombros
E ao olhar dentro dos meus olhos vai ver que vale a dor
Ou quando transar no primeiro encontro
Se eu chorar prometo que não vai ouvir
Quando quiser me encontrar olha de baixos dos escombros
E ao olhar dentro dos meus olhos vai ver que vale a dor
Quando quiser me encontrar olha de baixos dos escombros
E ao olhar dentro dos meus olhos vai ver que vale a dor

Suor no toque dos lábios
Nervosismo canta a despedida
Quando excluiu meu contato
Perdemos contato de vista
Meu amor dinamite no pé da barreira
Seu ego é muro de Berlim
Pra fazer voltar eu te dou uma estrela e um quartinho
Em uma casa com vista pra praia como você diz
Fugindo do caos do meu trabalho fixo
Do tal atalho feito por mim
Da porta pra dentro a gente se ama e se engana
Da porta pra fora tudo é tão…

Superficial quanto transar no primeiro encontro
Se eu chorar prometo que não vai ouvir
Quando quiser me encontrar olha de baixos dos escombros
E ao olhar dentro dos meus olhos vai ver que vale a dor
Ou quando transar no primeiro encontro
Se eu chorar prometo que não vai ouvir
Quando quiser me encontrar olha de baixos dos escombros
E ao olhar dentro dos meus olhos vai ver que vale a dor

Se eu chorar prometo que não vai ouvir
Se eu chorar prometo que não vai ouvir
Se eu chorar prometo que não vai ouvir
Quando quiser me encontrar olha de baixos dos escombros
E ao olhar dentro dos meus olhos vai ver que vale a dor

Tão superficial quanto transar no primeiro encontro
Se eu chorar prometo que não vai ouvir
Quando quiser me encontrar olha de baixos dos escombros
E ao olhar dentro dos meus olhos vai ver que vale a dor
Ou quando transar no primeiro encontro
Se eu chorar prometo que não vai ouvir
Quando quiser me encontrar olha de baixos dos escombros
E ao olhar dentro dos meus olhos vai ver que vale a dor
Quando quiser me encontrar olha de baixos dos escombros
E ao olhar dentro dos meus olhos vai ver que vale a dor

Superficial (Letra) - Menestrel