OCTYPE html> EVIL THAT'S WITHIN' (TRADUÇÃO) - Megadeth

Evil That's Within' (Tradução)

Megadeth - Letras

Evil That's Within' (Tradução) - Megadeth

Uma vez havia uma face familiar
Cicatrizes de batalha em desordem
Um homem simples, comandado pela bebida
Sem medo de viver, sem mais nada

Bem no fundo eu o vi se erguer
Bastardos possuem sem um fim
Espelho espelho meu, por favor olhe dentro
Você vê o mal que há no interior?

Pirâmides de homens mortos e cães
Espólios de guerra, assim eles dizem
Uma vez queimados, sempre marcados
Machucados por poucos mas tantos tem que pagar

Bem no fundo eu o vi se erguer
Bastardos possuem sem um fim
Espelho espelho meu, por favor olhe dentro
Você vê o mal que há no interior?

Pressão aumentando
Em cima de mim, vou quebrar
Dedos quebrados
Cavando, arranhando seu rosto

Nervoso, como um gato
Vou pular através da minha pele
Sombras na parede
Se esticando, andando até mim

Mal, mal
Mal, dentro de mim
Mal, deixe-me ser
Mal, deixe-me sangrar
Mal, me liberte
Mal, me liberte
Mal, me liberte
O mal que há no interior

Evil That's Within' (Tradução) - Megadeth