OCTYPE html> DE SEXTA Á SEXTA (LETRA) - Marília Mendonça

De Sexta á Sexta (Letra)

Marília Mendonça - Letras

De Sexta á Sexta (Letra) - Marília Mendonça

Coloca aí, a música que gosta
No volume máximo
E faz silêncio, encosta
E do resto eu cuido
Deita do meu lado
Sem ar-condicionado
Era um vez
Um coração gelado
Toma um gole de vida
E recarrega a bateria
Menos o celular
Que aqui cê não precisa
Sentindo só a brisa, respira
Eu já me cansei
De amores de quinta
Que acabam na segunda-feira

Se é pra amar que seja
A semana inteira
De sexta á sexta
Menos frescura
E mais besteira

Eu já me cansei
De amores de quinta
Que acabam na segunda-feira

Beijo no rosto, selinho, preliminar
Da pausa e continua
Quando a música acabar

Beijo no rosto, selinho, preliminar
Da pausa e continua

Se é pra amar que seja
A semana inteira
De sexta á sexta
Menos frescura
E mais besteira

Eu já me cansei
De amores de quinta
Que acabam na segunda-feira

Beijo no rosto, selinho, preliminar
Da pausa e continua
Quando a música acabar

Beijo no rosto, selinho, preliminar
Da pausa e continua

De Sexta á Sexta (Letra) - Marília Mendonça