OCTYPE html> O REI (LETRA) - José Augusto

O Rei (Letra)

José Augusto - Letras

O Rei (Letra) - José Augusto

Quem vê ele agora sorrindo não sabe o que lhe aconteceu
Não sabe das dores da vida, nem sabe o que ele sofreu
Dormiu em lugares tão frios e viu a esperança morrer
E todas as coisas que ele sonhou,
Pensou que não fossem acontecer

REFRÃO:
Mas hoje ele canta nos palcos da vida
E todos lhe estendem a mão
Valeu sua vida sofrida, seu canto, seu pranto, se fez canção
Mas quando ele canta ninguém imagina
As coisas tão tristes que eu sei
Lhe cobrem de flores e beijos, lhe chamam de Rei

Passava o tempo sonhando um dia poder ser alguém
Nem tudo de bom acontece na vida
Sabia melhor que ninguém
As noites em claro lembrava as mágoas e as desilusões
No dia seguinte esquecia de tudo perdido nas suas canções

O Rei (Letra) - José Augusto