OCTYPE html> DO JEITO QUE A VIDA QUISER (LETRA) - José Augusto

Do Jeito Que a Vida Quiser (Letra)

José Augusto - Letras

Do Jeito Que a Vida Quiser (Letra) - José Augusto

Levanta a cabeça
E abafa esse grito de dor
Dá volta na vida
Esmaga essa febre de amor
Levanta teus olhos e segue
Procura viver
Destrói essa marca do peito
E tenta esquecer
Levanta a cabeça
Não pare, nem olhe prá trás
Que a vida algum dia resolve
E te dá muito mais
Levanta teus olhos
Enxerga o que tem por aí
Desfaz esse nó da garganta
E tenta sorrir

Refrão:
Amigo, há coisas mais fortes
Que as leis da razão
Fugir não resolve
Se o amor transformar-se em prisão
É como gostar de sofrer
Na dor encontrar o prazer
Inútil a gente querer
O que a alma não quer
Por trás desse sofrimento tentar ser feliz
Certeza que em cada momento
Só fez o que quis
Destino ou coisa qualquer
Do jeito que a vida quiser
Inútil a gente querer
O que a alma não quer

Do Jeito Que a Vida Quiser (Letra) - José Augusto