OCTYPE html> PAREDES (LETRA) - Jorge e Mateus

Paredes (Letra)

Jorge e Mateus - Letras

Paredes (Letra) - Jorge e Mateus

Despertador tocou, cadê o meu amor?
Pra me dar o primeiro beijo do dia
Na hora do café, cadê minha mulher?
Que os meus desejos então sabia

Eu tentei trabalhar
Tá difícil concentrar
Você sabe o que é pior?
É que em todo pôr-do-sol

Ela me esperava
Com o sorriso estampado na cara
Hoje tempo tá passando
E a saudade apertando
E eu sozinho nessa casa

Ah se essas paredes não falassem
Ah se o travesseiro não contasse
Todas as noites de amor
Que eu vivi com você

Ah se essa cama não contasse
Ah se o espelho mostrasse
Você aqui
Pra eu conseguir dormir

Ah se essas paredes não falassem
Ah se o travesseiro não contasse
Todas as noites de amor
Que eu vivi com você

Ah se essa cama não contasse
Ah se o espelho mostrasse
Você aqui
Pra eu conseguir dormir

Despertador tocou, cadê o meu amor?
Pra me dar o primeiro beijo do dia
Na hora do café, cadê minha mulher?
Que os meus desejos então sabia

Eu tentei trabalhar
Tá difícil concentrar
Você sabe o que é pior?
É que em todo pôr-do-sol

Ela me esperava
Com o sorriso estampado na cara
Hoje tempo tá passando
E a saudade apertando
E eu sozinho nessa casa

Ah se essas paredes não falassem
Ah se o travesseiro não contasse
Todas as noites de amor
Que eu vivi com você

Ah se essa cama não contasse
Ah se o espelho mostrasse
Você aqui
Pra eu conseguir dormir

Ah se essas paredes não falassem
Ah se o travesseiro não contasse
Todas as noites de amor
Que eu vivi com você

Ah se essa cama não contasse
Ah se o espelho mostrasse
Você aqui
Pra eu conseguir dormir

Paredes (Letra) - Jorge e Mateus