OCTYPE html> GALERA DO BOTECO (LETRA) - João Neto e Frederico

Galera do Boteco (Letra)

João Neto e Frederico - Letras

Galera do Boteco (Letra) - João Neto e Frederico

Alô galera do boteco
Quero ver vocês ai,
Se a cerveja tá gelada
hoje eu não saio daqui.

Alô galera do boteco
Quero ver vocês ai,
Bate palma e dá um grito
e vem pra cá se divertir.

O boteco já abriu
e eu já estou pedindo gole,
Minha mesa tá no jeito
sanfoneiro puxa o fole.
E se a casa cair
nem se passarem o rodo,
Hoje eu só saio daqui
se o boteco pegar fogo.

Alô galera do boteco
Quero ver vocês ai,
Se a cerveja tá gelada
hoje eu não saio daqui.
Alô galero do boteco
Quero ver vocês ai,
Bate palma e dá um grito
e vem pra cá se divertir. (2X)

Tem gente pra todo o lado
querendo um rabo-de-saia,
Tem com dor de cotovelo
e os que só querem gandaia.
No boteco é só farra
virou paixão nacional,
Não tem dia não tem hora
até parece carnaval.

Alô galera do boteco
Quero ver vocês ai,
Se a cerveja tá gelada
eu não saio daqui.
Alô galero do boteco
Quero ver vocês ai,
Bate palma e dá um grito
e vem pra cá se divertir. 2x

Galera do Boteco (Letra) - João Neto e Frederico