OCTYPE html> FAZ TEMPO (LETRA) - João Neto e Frederico

Faz Tempo (Letra)

João Neto e Frederico - Letras

Faz Tempo (Letra) - João Neto e Frederico

De repente eu fui me entregar
Pensei que tudo conspirava pro meu bem e fui me apaixonar
De repente só sei que me perdi
Me procurei no fundo dos teus olhos mas eu não me vi

E quando eu menos espero
Você chega me dizendo
Que esse meu papo de amor
Não existe nesse seu dicionário
E que ficou preso bem longe à quilômetros daqui
E nesse espaço desse tempo indiretamente
Perco todo o medo de me aproximar
Eu vou dizendo o que me dá vontade
Você virou meu mundo de pernas pro ar

Faz tempo que você não fala que o motivo do seu sorriso tá no meu olhar
Que o compasso dos meus passos que te guia sem o meu farol não pode enxergar
Faz tempo que não conto as horas pra te ver dizendo que sem mim o tempo vai parar
Já virou tudo brincadeira eu fiquei bobo e o fato é que meu mundo já parou de girar

E quando eu menos espero
Você chega me dizendo
Que esse meu papo de amor
Não existe nesse seu dicionário
E que ficou preso bem longe a quilômetros daqui
E nesse espaço desse tempo indiretamente
Perco todo o medo de me aproximar
Eu vou dizendo o que me dá vontade
Você virou meu mundo de pernas pro ar

Faz tempo que você não fala que o motivo do seu sorriso tá no meu olhar
Que o compasso dos meus passos que te guia sem o meu farol não pode enxergar
Faz tempo que não conto as horas pra lhe ver dizendo que sem mim o tempo vai parar
Já virou tudo brincadeira eu fiquei bobo e o fato é que meu mundo já parou de girar (2x)

Faz Tempo (Letra) - João Neto e Frederico