OCTYPE html> NÃO VOU EMBORA (LETRA) - Jireh

Não Vou Embora (Letra)

Jireh - Letras

Não Vou Embora (Letra) - Jireh

A noite ta passando, me sinto insano
sentidos alterados e essas donas me chamando
baladeiro mesmo, raparigueiro nato
sempre conectado não tem um frevo que eu falto

Quando a lombra bate e te leva longe
cê ve que a carne é fraca e o mundão é grande
e essa vidinha de balada é a melhor pra viver
to no modo privado, mas sem nada pra esconder

Não vou embora não, porque aqui ta bom
tem varios frevos na cidade
e altas donas pra endoidar, elas quer virar
hoje eu não vou embora não, o clima aqui ta bom
tem varios frevos na quebrada,
vamo botar pra fuder, deixa os gravão tremer

Pulando de frevo em frevo, combos e combos
com as mina e os parceiros, só lombras e lombras
hoje coração da pt e se a amnésia bater
não vou querer saber,minha mente ta suave
olhar pro céu, saber que tá tudo bem
ouvindo um som, no calor das minas e do sol
to solto no mundo, do lado dos manos
foda-se os segundos, se nós tamo insano

Sou a verdade que o céu ilumina
cria as rimas do dia a dia e anima pro rolê
meu grave bate seduzindo as minas
nós ta de cima e nesse clima o frevo vai ferver

Quando a lombra bate e te leva longe
cê ve que a carne é fraca e o mundão é grande
e essa vidinha de balada é a melhor pra viver
to no modo privado, mas sem nada pra esconder

Não vou embora não, porque aqui ta bom
tem varios frevos na cidade
e altas donas pra endoidar, elas quer virar
hoje eu não vou embora não, o clima aqui ta bom
tem varios frevos na quebrada,
vamo botar pra fuder, deixa os gravão tremer

A noite ta passando, me sinto insano
sentidos alterados e essas donas me chamando
baladeiro mesmo, raparigueiro nato
sempre conectado não tem um frevo que eu falto

Quando a lombra bate e te leva longe
cê ve que a carne é fraca e o mundão é grande
e essa vidinha de balada é a melhor pra viver
to no modo privado, mas sem nada pra esconder

Não vou embora não, porque aqui ta bom
tem varios frevos na cidade
e altas donas pra endoidar, elas quer virar
hoje eu não vou embora não, o clima aqui ta bom
tem varios frevos na quebrada,
vamo botar pra fuder, deixa os gravão tremer

Pulando de frevo em frevo, combos e combos
com as mina e os parceiros, só lombras e lombras
hoje coração da pt e se a amnésia bater
não vou querer saber,minha mente ta suave
olhar pro céu, saber que tá tudo bem
ouvindo um som, no calor das minas e do sol
to solto no mundo, do lado dos manos
foda-se os segundos, se nós tamo insano

Sou a verdade que o céu ilumina
cria as rimas do dia a dia e anima pro rolê
meu grave bate seduzindo as minas
nós ta de cima e nesse clima o frevo vai ferver

Quando a lombra bate e te leva longe
cê ve que a carne é fraca e o mundão é grande
e essa vidinha de balada é a melhor pra viver
to no modo privado, mas sem nada pra esconder

Não vou embora não, porque aqui ta bom
tem varios frevos na cidade
e altas donas pra endoidar, elas quer virar
hoje eu não vou embora não, o clima aqui ta bom
tem varios frevos na quebrada,
vamo botar pra fuder, deixa os gravão tremer

Não Vou Embora (Letra) - Jireh