OCTYPE html> SUAR (LETRA) - Donas

Suar (Letra)

Donas - Letras

Suar (Letra) - Donas

Vem, mas não se intimida com meu salto
Faz parte do meu show, se não curti, passo pro lado
Vem, mas entra pro meu mundo pianinho
Se liga que agora eu vou te ensinar bem direitinho
A noite cai, mas a energia só aumenta
Sente a batida, vem no tom que tudo esquenta
Rebola, desce, manobra, sobe
Tá pra nascer marmanjo safado que nos controle
Nunca é demais, uma pegada forte é sempre bom
Seja capaz, te ganho no embalo do meu som
Rebola, desce, manobra, sobe, peraí
Quer que eu te mostre?

Meu preto, vem cá
Que eu vou te fazer dançar
Que eu vou te fazer suar
Meu preto, vem cá
Que eu vou te fazer dançar
Que eu vou te fazer suar

Cê quer sentir poder? Vem cá pra você ver
Dona da zorra toda, tô botando pra ferver
Postura é de lei, a malandragem também
Preto não se intimida, brota suave, meu bem
Rabo de olho torto, ninguém se segura, olha
Dona, desenrola, desenvolve, vai rebola
Bem punk, afro black, soul, funk
Essas minas valem diamante

Meu preto, vem cá
Que eu vou te fazer dançar
Que eu vou te fazer suar
(2x)

Vem, mas não se intimida com meu salto
Faz parte do meu show, se não curti, passo pro lado
Vem, mas entra pro meu mundo pianinho
Se liga que agora eu vou te ensinar bem direitinho
A noite cai, mas a energia só aumenta
Sente a batida, vem no tom que tudo esquenta
Rebola, desce, manobra, sobe
Tá pra nascer marmanjo safado que nos controle
Nunca é demais, uma pegada forte é sempre bom
Seja capaz, te ganho no embalo do meu som
Rebola, desce, manobra, sobe, peraí
Quer que eu te mostre?

Meu preto, vem cá
Que eu vou te fazer dançar
Que eu vou te fazer suar
Meu preto, vem cá
Que eu vou te fazer dançar
Que eu vou te fazer suar
(2x)

Suar (Letra) - Donas