OCTYPE html> “FEELING” (PART CYNTHIA LUZ E MENESTREL) (LETRA) - Costa Gold

“FEELING” (part Cynthia Luz e Menestrel) (Letra)

Costa Gold - Letras

“FEELING” (part Cynthia Luz e Menestrel) (Letra) - Costa Gold

Repreendido por ter minha cara na sua camiseta
Cês são piores que fumar pastel de skunk
Reclamam da mancha que tem na bombeta
Explico que eu vim da lama e apareci num instante
O Lotto sabe, que se eu bato na porta é clássico, delivery
Sou feio e talentoso igual o Ribéry
Fissurado em cerveja, irmão
Levo o Hennessy, meu tempo gira ao contrário
Relógio soa só “tac-tic”
Elas me ligam com aquela desculpa velha
Que eu salvo, que eu bolo, a gente ri
E assiste um Netflix
Proposta irrecusável, nega quer me seduzir?
Pena que eu sou GPI também sou sócio Netfree
E eu penso não vale todos risos gostosos
Seus desejos bondosos são cheios de maldade
Que entregam seus corpos, sangue no cálice
Sant meu mano (Leoni), toma teu salve

Não me pergunta porquê
Eu vou fazer o barco virar
Eu vou fazer o barco virar
Com os dedos
(Não me pergunta porquê
Eu vou fazer o barco virar
Eu vou fazer o barco virar
Com os dedos)

Por isso eu vivo sem sossego
(Sem sossego nego, sem sossego)
Porque sou príncipe do gueto
(Príncipe do gueto, produto do gueto)
E o meu corre desde cedo
(Sem sossego nego, sem sossego)
Um exilado do governo
(Príncipe do gueto, produto do gueto)

Saúde meus irmãos, minhas irmãs
Primeiramente licença
Gratidão pela oportunidade das palavra novamente
MC Marechal por aqui
Minha busca sempre foi pelo equilíbrio
Eu tento trazer o melhor pra dentro
Pra que eu possa construir o melhor de mim
Pra que o melhor de mim possa ser exposto pras pessoas
Esse é meu intuito na vida
Pra que um dia a gente possa construir um nós melhor
As referências, elas vão mudando
Mas o propósito é o mermo
E eu desejo muita luz pros meus irmãos
Do Costa, pros irmãos e pras irmãs que tão ouvindo isso agora
Seja em 2017, seja 2050, não interessa
Porque o tempo
Ele é relativo quando a gente tem como registrá-lo

Era moleque, já fazia rap
Não tava a pampa
Ouvi dizer que alguém que passa beck, em uma semana
Junta mais grana que qualquer pivete
Em um ano sonha
Puz na balança mas larga meu sonho
Muita responsa
Cê sabe tio
Como é difícil, só memo quem já sentiu
Vários viu
Porque o começo é tenso igual o Sillent Hill
Dá arrepio
Achava loco e queria ser igual B Real do Cypress Hill
Quem duvidou, hoje me vê roda o Brasil
Óh, quem me vê? Quem me viu?
E eu não desisto até ter mais dinheiro que o Tio Phill
De insufilm, X3, com TV e pay-per-view
E mais cem mil de rolê em SP ou no Rio
E se eu for rico vai ser sem perder minha raiz
Não me vendi pra TV, SBT, Raul Gil
E é difícil esquecer meus parceiro que sumiu
Mas quem me desmerecer
É quem me vê, não quem viu

Costa Gold e Menestrel
(Money, money, money, money)
É pra falar umas verdade então? Demorô
Fecho

Descendo a ladeira na fé, com os cop na beira
Logo do Damassa na bandeira
Na ladeira mó fé, c’os cop na beira
Cês nunca vão tomar meu lugar no topo do topo do topo
E se eu rimar vai ter (money, money)
Sonhos e planos, insanos, e manos tentando acabar com a corrida
Que foi construída sem nenhuma ajuda do seu pessoal
(Tá ligado?)
Percebe o ensejo nos olhos
Eu vejo do público do rap se mostrando hipócrita
Oh tá, original
Fiz recordação com Rashid e Kamau, xablau
Cê tá entendendo a moral de quem fala do Costa
E porque que eu falo da minha família em toda canção?
(Morô ladrão)
Eu sei que não entende cuzão, pega a visão
Que se o assunto é família e pá
Sujeito homem tem dívida de gratidão (vacilão)
Eu lembro do Di me transferindo seus contatos de corre
Porque ele já tinha feito a grana do mês
Alguém já fez isso por algum de vocês?
Eu lembro do Guilhermino fechando show a duzentos reais
E dividindo o total de seis (prr)
Lembro do mano que representava na postura o Costa Gold
Em fase de evolução comparado a todos os MC’s de ontem
(Quem tem boca fala o que quer)
Também lembro do mano que saiu do(…), puro, a mina(…), soz(…)
Hm, de rolê com o bonde
Eu sei quem caguetou o Porks
Dug pelo pódio
Atitude e seu trombar lá em cima vai ser cheio de ódio
Batalha é uma mansão Roo ByMeia em Toque Toque
Daqui à Tóquio, conheci MC Pinóquio, é
Oito da manhã no job
Predelherme é brainstorm
Inimigo é Ultimato Bourne
Revivendo o Hip Hop com o Lotto nessa era de lock
Como solo da guitarra de Jimi Hendrix na voz da Janis Joplin
Imagina nascer italiano nativo e querer ser MC com (…)
Do teu vô que nunca para
(É isso aí eu falei que ia cobrar todo mundo memo)
Agora imagina se o memo vô ser (…)
A única neta dele nascer (…)
Com nome de Maria Clara (te amo vô)
Eu nasci no morro e me criei na cidade
Com integridade de um homem que batalha pra ter uma família
E sabe porque eu não vou ramelar com twenty one?
Porque com trinta e dois eu vou querer visitar minha filha, e aí?

(Vocal)
Tudo vem, pra provar
Sê tá tentando atropelar, prepara a mira
Ostentando sempre a liberdade
Vim te segurar, a melodia, melodia
Predella me chamou, ô
Sepa que ele já sabia, ô
Entendo o verso e sinto a força que tem a família
Com os trap do Lotto nós escreve e curte a brisa
(Vocal)

Eu tô virada
A noite pra quem trabalha é dia
Tamo na quinta dose de filosofia
Oprime quem deixa a mente vazia
Não ligo se julgo na mesa do justo
A noite pra quem trabalha é dia
Tamo na quinta dose de filosofia
Oprime quem deixa a mente vazia
Não ligo se julgo na mesa do justo

Salve família Costa Gold
Muito sucesso e sorte na nova caminhada
Parabéns, CD 300 tá punk, vai que vai
Fé em Deus, fé pa tudo
Muito trabalho, muito lazer
Forte abraço Nog, Predella, DJ Cidy, Pedro Lotto, [?]
Aqui é Gustavo Black Alien, a lírica Beretta
Costa Gold, 300, só marreta, tey

“FEELING” (part Cynthia Luz e Menestrel) (Letra) - Costa Gold