OCTYPE html> GLAURA REVIVIDA (LETRA) - Carlos Drummond de Andrade

Glaura Revivida (Letra)

Carlos Drummond de Andrade - Letras

Glaura Revivida (Letra) - Carlos Drummond de Andrade

Certa rua começa algures e vem dar no meu coração.

Nessa rua passa um conto feito de pedacinhos de histórias

de ouro, de velhos, de estrume, de seleiros falidos.

Nessa rua acaba de passar

a menina-e-moça de tranças e blue jeans pela calçada

É um violão andando, um som

unindo algures de ontem a nenhures de eternidade.

Glaura Revivida (Letra) - Carlos Drummond de Andrade